top of page
Logo (3).png
Estádio Futebol Americano

A interceptação mágica!

Dia 01 de fevereiro de 2015, Seattle Seahawks e New England Patriots disputaram o Super Bowl XLIX no Arizona. 

Os Seahawks defendiam o seu título depois de vencer o Denver Broncos no Super Bowl anterior por 43 a 08. Liderados pelo jovem e talentoso QB Russel Wilson e por um corredor ávido por touchdowns, Marshawn Lynch. 

Do outro lado, Tom Brady, a lenda, buscava o seu quarto anel de campeão junto com os Patriots, que contavam ainda com uma defesa confiável, que limitava os adversários a menos de 20 pontos por jogo. 

Os times passaram o primeiro quarto sem alterar o placar. No 2º quarto, os Patriots lideraram por duas vezes, mas os Seahawks chegaram ao empate, com a torcida curtindo o show do intervalo com o placar de 14 a 14. 

No terceiro quarto, a forte defesa de Seattle segurou os Patriots enquanto o ataque marcou 10 pontos, deixando os então campeões na frente por 24 a 14. 

Então, no último quarto de jogo, Tom Brady liderou o ataque: primeiro para um touchdown em uma conexão com Amendola e depois para Edelman. Depois dos pontos extras, os Patriots passaram a frente, faltando 4:50 minutos para o fim do jogo, 28 a 24. 

Cabia então a Russel Wilson conduzir o seu ataque a glória de vencer dois superbowls seguidos. Eles conquistaram o campo até a linha de duas jardas e tinham 27 segundos para anotar o touchdown da vitória. E quando todos esperavam um ataque terrestre de Seattle, a equipe tentou surpreender com um passe, que foi magicamente interceptado por Malcom Butler, garantindo a vitória e o 4º Superbowl para o New England Patriots. 

                                                                                                                                                                                         .     . .       

bottom of page